1/26/2012

Pastor afirma que Mike Murdock falsifica a palavra de Deus

O pastor Ciro Sanches Zibordi publicou em seu blog um artigo em que ele critica duramente os ensinamentos da teologia da prosperidade e cita como exemplo o pastor Mike Murdock, parceiro de campanhas do pastor Silas Malafaia.

Zibordi afirma que “Murdock não merece crédito, pois torce o princípio da generosidade e estimula os crentes a ‘semearem’ interesseira e egoisticamente”, e ainda acusa o tele-evangelista norte americano de manipular a mensagem bíblica: “Por que Murdock e todos os propagadores da teologia da prosperidade fazem questão de citar versículos bíblicos? Porque sabem que, se convencerem as multidões incautas de que eles são ensinadores (sic) compromissados com a Palavra de Deus, serão atendidos por elas em seus desafios milionários”.

Ciro, que é escritor e co-pastor da Assembleia de Deus Ministério de Cordovil, no Rio de Janeiro, afirma que a tese usada pelos pregadores adeptos da teologia da prosperidade “é simples e, aparentemente, convincente”, mas na verdade é “reducionista”: “Para ser mais claro, ele [Mike Murdock] prega ‘outro evangelho’ (2 Co 11.4), que induz os incautos a acreditarem que a vida cristã se limita a ‘semear’ e ‘colher’ dinheiro, bens e riquezas”.

A distorção, segundo o pastor, está no fato de que o exemplo de semeadura usado por Paulo era para incentivar a solidariedade, papel tido como fundamental da igreja primitiva. “Paulo apresentou a lei do ‘semear e colher’ com a intenção de despertar os crentes de Corinto para o auxílio generoso aos pobres. Seu ensino nada tem a ver com desafios para obter riquezas ou para comprar aeronaves, casas, carros, etc. Quando ele motivou os coríntios a serem generosos em favor dos santos de Jerusalém, era notório que estes passavam por sérias dificuldades (2 Co 9.1-5)”, frisa o pastor Zibordi.

No comments: